top of page

Julia Covatti Vieira
(Primavera do Leste/MT)

Foto com livro_edited.jpg

Sua obra "Memórias e contos" foi publicada por nós, este é seu primeiro livro? Como se deu a ideia de publicá-lo?

Sim, este é o meu primeiro livro. Escrevi esta obra como um presente para um amigo que não gosta de ler. Por meio dela, gostaria de fazer esse meu amigo se interessar um pouco mais pela leitura. Originalmente, não pretendia publicá-la, porém o fiz por incentivo de minha mãe.

Qual o objetivo da sua obra, a sua importância para o universo literário ou para o assunto que aborda?

Com o meu livro, pretendo fomentar o prazer pela leitura em todos que o ler. Este é um dos motivos da obra ser composta por sete contos de fantasia, visto que facilita a leitura para aqueles que ainda não adquiriram o hábito.

Como é ser um escritor hoje em dia?

A experiência de ser escritora está sendo bem diferente do que eu imaginei. O livro está sendo muito bem recepcionado pelas crianças, o qual não era um público que eu esperava atingir, e é incrível vê-las empolgadas ao me ver andando pelos corredores da escola, já que, no momento em que escrevi a obra, estava com 15 anos. Atualmente, estou com 16.

Como suas experiências de vidas lhe influenciou na escrita? Quais são suas inspirações?

Nos últimos anos, aprendi a amar a leitura, o que nem sempre foi uma realidade. A partir do momento em que me tornei uma amante da literatura, passei a ter o sonho de publicar um livro. Costumo dizer que não existem pessoas que não gostam ler, há apenas aquelas que ainda não encontraram o livro certo. Quanto às minhas fontes de inspiração, geralmente são acontecimentos do meu cotidiano, mas relato isso melhor no decorrer do livro.

A família e os amigos lhe apoiaram nesta empreitada? Qual fator determinante do apoio ou não deles?

Sim, meus amigos e familiares são os meus maiores apoiadores. Em todos os momentos em que me senti desanimada e quase desisti, eles sempre estiveram ao meu lado, me incentivando e acreditando em mim.

Como você enxerga a questão da leitura e do consumo de livros hoje no Brasil?

Creio que a maioria das pessoas estejam cientes de quão importante é a leitura, porém, atualmente, no Brasil, isso não é algo muito valorizado ou mesmo popularizado. Acredito que isso se deve, em partes, pela leitura não ser introduzida de maneira correta ainda na infância. Por exemplo, muitos pais dizem aos seus filhos que eles devem ler e até exigem isso deles, apesar dos mesmos não o fazerem. Além disso, a leitura muitas vezes é apresentada para as crianças como uma obrigação e não como algo prazeroso e que pode ser divertido, uma forma de entretenimento, o que faz com que elas a vejam de forma negativa.

Você pretende seguir publicando mais livros? E quais assuntos que gostaria de abordar futuramente?

Desejo sim publicar mais livros futuramente e pretendo continuar criando narrativas ficcionais e fantasiosas, porém ninguém sabe o que o futuro nos reserva, então vejamos como serão os próximos capítulos.

Como você espera que os leitores interpretem a obra?

Espero que os leitores vejam a minha obra como algo prazeroso, leve e divertido, uma forma de se entreter e passar o tempo, que deixa um gostinho de “quero mais”.

Como foi as suas experiências em publicar na Editora Becalete?

Foi uma ótima experiência. A editora se mostrou sempre muito solícita e competente, prestando toda a assistência para tornar a obra a melhor possível. O resultado final ficou simplesmente incrível, fiquei extasiada. Sem dúvidas, a Editora Becalete sempre terá um lugar especial no meu coração por ter sido fundamental neste processo de tornar o meu sonho de publicar o meu primeiro livro realidade.

Deixe aqui um convite de leitura ao seu leitor, falando um pouco de vocês e da obra se preferir.

O meu livro “Memórias e Contos” trata-se de um compilado de sete contos fantasiosos, intercalados por trechos que chamo de “Monólogo da Júlia”, onde relato como foi a minha experiência de escrever um livro e quais foram as minhas fontes de inspiração. Espero que o livro que escrevi abra as portas para você se tornar um amante da leitura, assim como eu.

bottom of page