Jorge da Silva Lima (Itapema/SC)

image.png

Sua obra "FAZENDO PROEZAS" foi publicada por nós, este é o seu primeiro livro? Como se deu a ideia de publicá-lo? 

Sim, este é meu primeiro livro. Na verdade, eu já vinha a algum tempo, pensando em escrever e publicar um livro... e aí com o advento da chegada desta pandemia, como precisamos ficar mais em casa, pois paramos de viajar, pois entendemos que precisávamos tomar muitos cuidados, pois assim compreendíamos a gravidade dos fatos. Então comecei a colocar no papel este projeto. E então nasceu este primeiro livro, fruto das minhas experiencias pessoais.

Qual o objetivo da sua obra, a sua importância para o universo literário ou para o assunto que aborda?

Meu objetivo principal é que as pessoas venham ler este livro, pois primeiramente é um livro de fácil leitura e com assuntos que as pessoas já são acostumadas. Procuro escrever de uma forma, com que o leitor queira continuar lendo.

Como está sendo a experiência de ser escritor?

Como é a primeira obra minha, já impressa (outras estarão vindo ai), a minha experiencia está sendo incrível, muito gratificante mesmo. Pois sou uma pessoa apaixonada pela leitura, peguei gosto ainda muito pequeno e então considero o livro algo fantástico, magico, pois posso adentrar em outros universos e aprender muito com os conteúdos.

 

Como sua experiência de vida lhe influenciou na escrita? Quais são suas inspirações?

Tenho hoje 53 anos de idade, tenho vivido coisas incríveis, mas também já passei por momentos de grande angustia e lágrimas, como a maioria das pessoas. Mas acredito que viver seja isto mesmo, e dentro das minhas experiências diárias de vida, quero crer que isto me propicia um jeito próprio de escrever, pois parto de cada assunto, tentando levar para o meu leitor, uma palavra de ânimo, esperança e acima de tudo de fé. Minhas inspirações são a minha história mesmo.

 

A família e os amigos lhe apoiaram nesta empreitada? Qual fator determinante do apoio ou não deles?

A família é a base de tudo, tenho uma esposa que é um presente dos céus para mim, minha melhor amiga e conselheira, uma ajudadora e incentivadora de todos os momentos, além de termos filhos e netos maravilhosos. Além de que sou muito grato pelos amigos que a vida me presenteou, amigos de verdade, para o que der e vier. Quanto a escrever, foi uma surpresa para eles, mas todos ficaram muito felizes.

Como você enxerga a questão da leitura e do consumo de livros hoje no Brasil?

Quanto a questão da leitura, percebo que é um caminho que precisamos avançar muito ainda. A maioria das pessoas ainda não descobriram o poder da leitura e o manancial de riquezas que os livros nos possibilitam conquistar. Porem vejo neste campo, grandes possibilidades... como um homem de fé que sou, ouso acreditar que o melhor ainda esta por vir.

Você pretende seguir publicando mais livros? E quais assuntos que gostaria de abordar futuramente?

Sim, pretendo publicar muitos livros, pois escrever tem se tornado para mim uma grande paixão, além de que posso ajudar cada pessoa que ler algum dos meus livros, a ter mais esperança e vontade de vencer suas crenças limitantes e progredirem na vida de uma forma mais feliz, e realizarem seus sonhos.

Como você espera que os leitores interpretem a sua obra?

Que cada leitor do livro Fazendo Proezas, possa se sentir inspirado a viverem melhor, que eles interpretem os escritos com um coração de aprendente, não com um espírito de julgamento ou procurando falhas, pois falhas vão encontrar sim. Mas que possam interpretar de uma forma aberta e sincera, pois é assim que eu escrevi, cada palavra do livro, descrevendo algumas coisas minhas, da minha vida até aqui.

Como foi a sua experiência em publicar na Editora Becalete?

A minha experiência com a Editora Becalete ao publicar esta primeira obra, foi e está sendo simplesmente maravilhosa. Desde o meu primeiro contato, a forma de falarem comigo, me orientarem e me ajudarem na tomada de decisões, tem sido além do que eu esperava. Toda a equipe, desde o diretor e toda a equipe de confecção de capa, correção e apronte, são simplesmente os melhores... gratidão a todos da editora.

Deixe aqui um convite de leitura ao seu leitor, falando um pouco de você e sua obra se preferir.

Quero neste momento convidar a todos vocês, que adquiram o livro Fazendo proezas, vocês vão amar a leitura e os assuntos ali abordados.

Acredito que cada um de vocês podem e devem fazer proezas.

Muito obrigado pela atenção e carinho.